A eficácia da suplementação alimentar quando utilizada corretamente

Uma alimentação saudável é responsável por 60% a 70% dos resultados de um treino. Entretanto, a utilização de suplementação alimentar de maneira apropriada potencializa os efeitos dos alimentos, além de acelerar os benefícios que os mesmos causam no corpo durante e após o treinamento.

Existem várias opções de suplementos alimentares, que devem ser consumidos, tanto no pré-treino quanto no pós-treino, para potencializar seus resultados.

Pré-treino – No pré-treino é importante o consumo de suplementação alimentar que aumente as vitaminas, proteínas e energia, auxiliando nos exercícios. O ideal é que estes suplementos sejam consumidos cerca de 30 minutos antes do treino.

Multivitamínicos – Ideais para repor as vitaminas que nosso organismo utiliza nos movimentos musculares. Também auxiliam na recuperação dos músculos e nos movimentos estomacais, facilitando assim a digestão.

Guaraná – Excelente fonte de energia. Por ser rico em cafeína, o guaraná funciona como um supressor do apetite e auxilia na conversão de gordura em energia, diminuindo a gordura corporal e fornecendo energia para os exercícios.

Ácidos graxos – São fundamentais na absorção de vitaminas. Também auxiliam na manutenção da testosterona e da energia no corpo, mantendo-os em níveis mais altos; o que potencializa o ganho de massa magra.

BCAA – Estudos indicam que o uso do BCAA durante os treinos potencializa as respostas fisiológicas e psicológicas do organismo aos exercícios, melhorando o bem estar e aumentando a sensação de prazer.

Pós-Treino – Durante o treino, o corpo danifica as fibras musculares. Sua recuperação é responsável pelo fortalecimento muscular. No pós-treino é ideal que se consumam tanto alimentos, como suplementação alimentar que auxilie essa recuperação.

Whey Protein – Talvez o mais conhecido dos suplementos. Como o nome já diz, é rico em proteina. Auxilia na construção de massa muscular por suprir a necessidade que o organismo tem, de proteína para a reparação das fibras musculares.

Dextrose e Maltodextrina – Auxiliam na reposição do glicogênio que nosso organismo utiliza como combustível. Deve-se evitar o consumo em excesso pois o mesmo pode resultar em um aumento na gordura corporal

Antioxidantes – Reduzem o stress muscular, além de combaterem os radicais livres, que são os responsáveis pelo envelhecimento celular. Auxiliam assim, na manutenção da massa muscular e na recuperação das fibras musculares no pós-treino

Além da suplementação alimentar, os treinos devem ser acompanhados de uma dieta saudável e do consumo de água ao longo do dia (não apenas antes e após o treino), para que os efeitos do treinamento sejam mantidos e os resultados sejam atingidos mais rapidamente.

Péssimo!Ruim!Normal!Bom!Ótimo! (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
    1. Felipe Abril 13, 2016
    2. Erica julho 14, 2016
      • André Dutra julho 29, 2016
    3. neide novembro 2, 2016

    Add Your Comment

×
Curta no Facebook
Não obrigado
×
Gostou do Artigo?
Compartilhe no Facebook
Não obrigado.